sábado, 29 de agosto de 2015

MUDANÇA


PSB quer oxigenar a política cearense com a entrada de Danilo e Heitor Férrer

Parlamentares cearenses foram recebidos pela direção nacional da legenda em Brasília.






Em encontro com a direção nacional e estadual do PSB nesta sexta-feira, 28, em Brasília, o deputado federal Danilo Forte anunciou que está de saída da sua atual legenda, o PMDB, e pronto para se filiar ao Partido Socialista Brasileiro. “Eu acho que isso vai ser bom, inclusive, para oxigenar a política cearense”, disse.

De acordo com o parlamentar cearense, faltam apenas questões burocráticas para ele se filiar ao partido do ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, falecido em agosto de 2014 num trágico acidente aéreo que comoveu o País. Reunido com Carlos Siqueira e Sérgio Novais, responsáveis pelos diretórios nacional e estadual dos socialistas, Danilo Forte mostra confiança, ainda, na filiação do deputado estadual Heitor Férrer a legenda. Férrer participou da reunião onde recebeu o convite oficial do PSB.

“(Faltam apenas) as questões burocráticas. Temos que construir o desligamento com os partidos de forma saudável para que não haja, inclusive, depois nenhum se não ou algum questionamento do ponto de vista de perseguição. Eu não acredito que nem PMDB, nem PDT, que têm toda compromisso democrático vão querer buscar ou macular uma transição democrática como essa, buscando questionar juridicamente algum princípio que possa ferir a questão da mudança partidária”, falou Danilo.

“Isso será construído com muito diálogo. Até porque a política é, como já dizia o Gonzaga Mota (ex-governador do Ceará na década de 80), dinâmica. Ela pode separar e pode juntar. Então eu acho que por isso mesmo a gente não pode atropelar os fatos. E a gente chega num partido que tem uma história consolidada, que tem um perfil de retidão com a história do Brasil, que tem uma projeção e um projeto de futuro progressista no que diz respeito às relações sociais e democráticas e participativas”, complementou.

Danilo forte afirmou também que um dos motivos que fizeram está de saída do PMDB rumo ao PSB foi a luta de formar um partido tem como intuito aprofundar o processo de democratização “e romper com este sentimento patrimonialista e oligárquico que a grande maioria que os partidos têm”.

Chegada de Heitor Férrer 
 
“A companhia do Heitor é uma companhia saudável, saudabilíssima pela história que ele teve a vida toda tanto como vereador de Fortaleza, como deputado estadual. Sem sombras de dúvidas um dos melhores quadros da política do Estado do Ceará. E nesta companhia a gente vai ter condições de caminhar bem pelo Estado do Ceará e se Deus quiser formar um grande partido”, emendou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário